Data: terça, 17 de maio de 2022
Clima

Começa hoje a Semana do Meio Ambiente

02/06/2008

Meio ambiente vai ser a bola da vez esta semana, no município de Aracruz. A quarta edição da "Semana do Meio Ambiente" começa hoje (02) e vai até quinta-feira (05). O evento foi organizado para discutir a necessidade da construção de uma sociedade sustentável. Só no ano passado, a Semana do Meio Ambiente movimentou cerca de 10 mil pessoas. Este ano conta com atrações o dia todo, nos espaços do SESC do Centro (abertura hoje, de 19h às 21h) e da Faculdade de Aracruz (de terça a quinta, de 09h às 21h).

Para fazer valer o slogan "Educação Ambiental: Adote Essa Idéia", o evento estará repleto de informações sobre as conseqüências nocivas da ação humana na biodiversidade do planeta e as possíveis alternativas para amenizá-las. De acordo com a gerente de políticas ambientais da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), Charlene Martins, o conhecimento será passado da forma mais didática possível, na sala de aula. "Já estão abertas as inscrições para os minicursos e as oficinas, que têm muita coisa para ensinar. Além disso, várias palestras estarão disponíveis para abordar tópicos diferentes, relacionados à preservação e sustentabilidade", explicou a gerente.

Para o secretário de meio ambiente da Prefeitura de Aracruz, o biólogo Valber Campores, a semana de educação ambiental projeta o município no cenário nacional das ações relacionadas à proteção ambiental. "Este não é um evento isolado, mas representa a atuação de quatro anos de sucesso na gestão ambiental de Aracruz, que consolida a administração municipal como referência", afirmou o biólogo.

A "Semana do Meio Ambiente" vai apresentar palestras sobre o histórico da educação ambiental, uso da água, tratamento de resíduos sólidos e uma palestra sobre a Associação Nacional dos Municípios em Meio Ambiente (ANNAMA), com o presidente da entidade, Clarismino Luiz Pereira Júnior.

Também serão oferecidos vários minicursos e oficinas, que permeiam desde a geração alternativa de renda com o processamento de garrafas plásticas descartáveis (PET) e o artesanato com palha de coqueiro, até assuntos mais aprofundados em um tema específico, como o curso de "geoprocessamento", que explica como funciona a identificação espacial de uma região por meio de imagens de satélite, "workshop com sucata", que gera utilidade para vários materiais descartáveis, e o estudo teórico/prático do curso "conhecendo o manguezal", que estuda a importância econômica, social e ambiental do mangue, com incursões em grupo para vivenciar o ecossistema.

A novidade deste ano será o espaço aberto para a apresentação de trabalhos científicos (graduação, pesquisa, mestrado e outros), que irá agregar maior valor educacional ao encontro. As palestras e apresentações culturais são de livre entrada. Para freqüentar as aulas o interessado deverá se inscrever na própria Semam, ou pelo site www.aracruz.es.gov.br. No endereço eletrônico o internauta pode preencher a ficha e enviar para o e-mail semam.ea@pma.es.gov.br, ou imprimir a página e entregá-la diretamente na Semam.